quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

pensata.

Por que veste essa roupa?
Por que escolhe esta bebida?
Por que este assunto?
Por que experimentou este caminho?
Por que sente medo deste lugar?
Por que acredita nesta proposta?
Por que acredita nesta pessoa?
Por que se encontra nesse momento?
Por que aceitar essa condição?
Por que ouve essa música?
Por que escolhe esse sapato?
Por que senta nesse lugar?
Por que está parado nesse lugar?
Por que se acha merecedor dessa experiência?
Por que silencia?
Por que fala?
Por que conta estas histórias?
Por que compartilha essa mensagem?
Por que pensa?
Por que pensa essa hipótese?
Por que escolhe sofrer?
Por que sorri?
Por que levanta todos os dias?
Por que aponta o dedo para esse defeito?
Por que se culpa?
Por que se desculpa?
Por que se ergue?
Por que não admite?
Por que não se acolhe?
Por que não se permite?
Por que não grita?
Por que não minimiza?
Por que não realiza?
Por que não abandona velhos hábitos?
Por que não torna a seus velhos sonhos?
Por que não sonha?

Nenhum comentário:

Postar um comentário